Em busca da Praia Naturista (2)

Entre os dias 25 e 28, a delegação da NatVale visitou várias praias em Ubatuba.


Depois de mutirão de pesquisa por satélite e sites, localizamos as praias passíveis de comportar atividades naturistas em Ubatuba

As imagem de satélite mostraram que na costa sul sentido Caraguá estavam a maioria das praias desertas que não ficavam submersas na maré alta. Estavam localizadas principalmente entre Maranduba e Tabatinga.

As mais indicadas para avaliação foram: Praia MANSA, Praia da FIGUEIRA, Praia da LAGOA,  Praia SACO DAS  BANANAS,  Praia DAS BICAS, Praia de FORA, Praia ITAPECERICA, Praia do GODÓI, Praia da RAPOSA, Praia BRAVA DO CAMBURI.


Na semana do aniversário de São Paulo reuniram-se no Sertão da Quina, nossos bandeirantes, empenhados na gloriosa batalha para o estabelecimento da primeira praia Naturista Paulista,e partiram para a gloriosa missão!
Éder, Amanda e família, nossos representantes locais, acompanhados do grupo, composto por Amorim e Deise de Pindamonhangaba, Selma e Adilson de São José dos Campos e Márcia e Toni de São Paulo representando todas as agremiações naturistas do estado partiram para a realização do sonho  naturista. Chegaram a conclusão que a Praia Mansa seria a melhor opção apesar de ser relativamente longe do estacionamento.


Tiveram também uma conversa com o presidente da comunidade amigos do bairro de Quilombolas de Caçandoca, Sr. Mário, explicando sobre o projeto da praia naturista. Ele gostou da idéia, disse que na praia do Saco das Bananas seria ideal e ficou de fazer uma reunião com os quilombolas para explicar a proposta..

No momento a comunidade da Caçandoca está realizando alguns projetos, sendo responsáveis por cinco praias, podendo uma delas se tornar naturista.

A movimentação chamou a atenção da TV Vanguarda, sucursal da Globo que fizeram uma matéria sobre o assunto indo ao ar na semana passada, como entrevistas da família do Eder e o vereador Wellington de Moura . Confira a reportagem



Leia também:

CONVERSAÇÃO

0 comentários :

Postar um comentário

Voltar
ao topo