Amizade: Um valor do naturismo!


Os amigos permanentes são primordiais para a saúde mental, mas cultivar amigos fidedignos hoje em dia não é uma tarefa muito fácil, mesmo sabendo que é  importante  contar  com pessoas que possam estar presente na sua vida em  todas as situações, sejam elas agradáveis ou desagradáveis, para  alcançar  uma vida mais proveitosa, como  ensinava Epicuro [..]  “De todas as coisas que nos oferece a sabedoria para a felicidade de toda a vida, a maior é a aquisição da amizade[..]. 

Amizade tem uma importância muito especial, demonstra uma relação de cuidado entre pessoas e envolvem sentimentos de proteção, de  lealdade, afeição, camaradagem e  amor quando experimentado em seu formato mais puro, sem nenhum tipo de desejo sexual vinculado (philia). 

A amizade é relacionamento de duas ou mais pessoas ligadas por atitudes concordantes, por afetos positivos sem interesses além da própria amizade como propõe Aristóteles,[..] a amizade é uma virtude ou está estreitamente unida à virtude: de qualquer forma, é o que há de mais necessário à vida, já que os bens que a vida oferece, como riqueza, poder, etc, não podem ser conservados nem usados sem os amigos [..] 

As bases fundamentais desse modelo de ligação encontram-se de fato pautadas na reciprocidade, uma vez que um bate-papo sem compromisso ao entardecer, é capaz de se tornar excelente psicoterapia. Esse é o tipo de relação de afeto, não raro, é desenvolvido nos ambientes naturistas.

Amizades duradouras necessitam de permanente atenção e empatia, visto que nessa ligação deve haver trocas que beneficiam as partes. Amigos  trazem melhor qualidade de vida, menos sofrimento a nossa existência, porque nosso corpo é afetado nos encontros com os amigos, produzindo ocitocina,  endorfina e serotonina, os hormônios da felicidade.

O interesse comum ao naturismo, faz  despertar o senso de colaboração no partilhamento de instantes agradáveis, e a preocupação  de  garantir que estes momentos juntos sejam  muito gostosos,  seja  pela companhia naturalista  ou pelas atividades realizadas juntos a associação com outros naturistas. Spinoza afirma que ” […] É útil aos homens, acima de tudo, formarem associações e se ligarem por vínculos mais capazes de fazer de todos um só e … é-lhes útil fazer tudo aquilo que contribui para consolidar as amizades […]”  

O naturismo é movimento de liberdade, modelo ordenado de recreação já consolidado pela nudez social, (convívio presencial com pessoas também nuas), mas  também é  um projeto de conduta e estilo de vida. Nos encontros naturistas, é perceptível a formação de  círculos de amizades e afinidades, em uma  atmosfera de muito respeito e de aprazível comunhão entre todos os presentes.

O  “respeito” é a condição necessária e é o objetivo a ser alcançado por integrantes desse sistema de trocas, que se esforçam para dar,  receber e  compartilhar.  Sem  respeito seria impraticável controlar eventuais  impulsos  motivado pela nudez de outrem, sem respeito seria impossível a intimidade uma vez estando todos os convivas despidos. 

O discernimento de respeito,  amizade e comunidade, induz a zelar a favor do conforto do próximo e para boa convivência  da  totalidade do mecanismo relacional no espaço naturista. O respeito incluso no naturismo auxilia a conexão com os demais  e determina a concepção que o naturismo possui, com todos pressupostos de benefícios e liberdades. 

O reconhecimento das ligações amistosas no naturismo advém da comprovação da existência de segurança no espaço onde,  vínculos pessoais se combinam com a inclusão de todos. Este enaltecimento  da importância do coletivo se contrapõe ao anonimato, causado pela vida contemporânea do lado externo ao encontro naturista.  A  inclusão de todos  é meta do movimento naturista ao apregoar o igualitarismo, uma vez que difunde que devemos  aceitar os semelhantes como seres completos e que todos têm o direito de se sentirem confortáveis em sua própria pele e corpo tal como são.

O naturismo é demonstração comunitária de apoderamento do próprio  corpo, de sua nudez e de um entrosamento peculiar com seu princípio vital, com o meio que o circunda  e  com a relação com outros. Estar nu em pêlo diante de outras pessoas permite melhorar o amor próprio, tornando as pessoas mais confiante para fazer amizades. 

Ao  desprezar o hedonismo, a idolatria ao corpo, a exibição de adornos, o movimento naturista  dá destaque a amizade pura e desinteressada, e confronta o egocentrismo dos relacionamentos insensíveis, interesseiros e  manipuladores. O naturismo permite  conhecer as pessoas o mais profundo que se pode conhecer, sem rótulos, marcas e clichês. 

Encontros naturistas, sejam  presenciais ou virtuais nesta época de pandemia, aumenta a rede de contatos e permite que  se estabeleça amizades importantes,  puras e verdadeiras.



                                                                                                                                        Ubiratan Fazendeiro        


CONVERSAÇÃO

0 comentários :

Postar um comentário

Voltar
ao topo